Encontrando o lugar perfeito para criar

Se você é como eu e vive encontrando desculpas pra não escrever, a falta de um ambiente apropriado provavelmente já foi uma delas. Muito barulho, muitas distrações, iluminação ruim, e por aí vai. E a verdade é que, sim, escrever num lugar desfavorável prejudica bastante (ou impede) a fluidez das ideias. O CLICHÊ QUE NÃOContinuar lendo “Encontrando o lugar perfeito para criar”

A magia dos post-its

Foi só um par de dias depois de lançar o meu e-book que eu me encontrei empacada no segundo rascunho do meu livro. Já tinha relido e feito a revisão ortográfica, mas algo estava faltando. E aí eu pensei: Aléxia, você acabou de publicar um guia sobre como planejar sua história. Vê se cria vergonha naContinuar lendo “A magia dos post-its”

Por que a sua ideia ainda não virou um livro?

Escrever não é fácil, mas é sim uma arte que pode ser aprendida com dedicação e insistência. Existem muitos motivos para que uma ideia nunca evolua (eu mesma tenho algumas engavetadas). Mas eu já vi muitas pessoas desistirem de uma história porque ela tem furos, problemas de enredo ou, colocando de forma mais simples, nãoContinuar lendo “Por que a sua ideia ainda não virou um livro?”

O que faz o ano ser realmente novo?

  Você já deve ter cansado de criar resoluções pra um novo ano e não cumprir nem metade. Ou cria metas muito altas ou tem preguiça de fazer mesmo as pequenas. Mas então, por que continuamos as definindo? Já dizia o Presidente Snow em Jogos Vorazes: “O único sentimento mais forte que o medo éContinuar lendo “O que faz o ano ser realmente novo?”

Crítica de “Todas as cores do natal”

Tá bem, sei que o natal já passou, mas é aquele velho ditado: “sabe como é né, fim de ano…” Então espero que a crítica ainda esteja em tempo, até porque essa é uma leitura que vale a pena em qualquer época do ano. Ultimamente, parece que o mundo vem finalmente se abrindo para históriasContinuar lendo “Crítica de “Todas as cores do natal””